Exercícios Físicos para se fazer em casa

Reprodução/ Organize sem Frescuras

De todas as incertezas na nossa vida, uma é certa: Quem acha que ouvir, “eu te amo” é bom, nunca ouviu; “como você emagreceu”. 

Pois é, todo mundo quer ter uma melhor qualidade de vida, de modo que sempre estão atrás de dicas para emagrecer, e para viver melhor e se for economizar, melhor ainda.
Por isso, o nosso parceiro Givanildo Matias, Personal Trainer e Educador Físico especializado em emagrecimento e condicionamento físico, criou um treino que pode ser feito em casa, por pessoas iniciantes*, usando itens que todo mundo tem.
Então vamos sair do chão? Confira os treinos e que venha uma vida mais feliz e mais significativa:
Exercício 1: Aquecimento: Corrida Estacionada
Duração: 30 segundos
Como fazer: Em pé, corpo ereto, cotovelos flexionados, corra sem sair do lugar, por apenas 30 segundos, em velocidade lenta para moderada. Respeite o limite do seu corpo.
Descanso: 30 segundos – Após a realização do exercício, realize uma pausa, em pé, de 30 segundos.
Exercício 2: Agachamento com cabo de vassoura
Duração: 30 segundos
Como fazer: Em pé, afaste os pés, um pouco além da largura do corpo, pontas dos dedos para frente. Apoie as mãos no cabo de vassoura, que deve estar a sua frente, e realize o agachamento, até os joelhos formarem um ângulo de 90 graus com o chão. Não desça mais e mantenha a coluna e o pescoço eretos, olhando para o horizonte, com os braços na mesma posição, segurando o cabo de vassoura.
Descanso: 30 segundos – Após a realização do exercício, realize uma pausa, em pé, de 30 segundos.
Exercício 3: Tríceps Francês com garrafa pet
Duração: Dez movimentos com cada braço
Como fazer: Em pé, pés afastados na largura do corpo. Segure uma garrafa cheia de água (de 500 ml) ou um pacote de feijão na mão direita. Eleve os braços acima da cabeça e segure o cotovelo direito com a mão esquerda. Faça movimentos de elevar e abaixar a garrafa de água, transportando-a por trás da cabeça. Repita o movimento dez vezes. Faça o mesmo com o outro braço.
Descanso:30 segundos – Após a realização do exercício, realize uma pausa, em pé, de 30 segundos.
Exercício 4: Polichinelo
Duração: 30 segundos
Como fazer: Em pé, corpo ereto, pés próximos, braços ao lado do corpo, cabeça reta, prepare-se para saltar.
Realize saltos, sem intervalo, abrindo as pernas e elevando os braços acima da cabeça, até os polegares se encontrarem (como na foto).
Descanso: 30 segundos – Após a realização do exercício, realize uma pausa, em pé, de 30 segundos.
Exercício 5: Rosca Arnold (para o bíceps) com pacote de feijão ou açúcar
Duração: Dez movimentos
Como fazer: Em pé, pés afastados na largura do corpo. Segure uma garrafa cheia de água (de 500 ml) ou um pacote de feijão (ou açúcar, ou arroz, qualquer um de 1 kg) em cada mão. Com as palmas viradas para cima, eleve apenas os cotovelos (mãos em direção aos ombros), em dez suaves movimentos. Cuidado para manter o braço parado, apenas o antebraço se move.
Descanso: 30 segundos – Após a realização do exercício, realize uma pausa, em pé, de 30 segundos.
Exercício 6: Abdominal chunch com elevação de pernas
Duração: 30 segundos
Como fazer: Deitado de costas numa superfície reta (colchonete ou piso), coloque as mãos sob a cabeça, com os cotovelos alinhados aos ombros. Eleve os joelhos na altura da cintura e forme um ângulo de 90 graus com as pernas, mantendo os dedos dos pés apontados para cima (como na foto). Contraia o abdômen.
Eleve levemente o tronco, sem forçar o pescoço ou os braços: quem deve trabalhar é seu abdômen, que está contraído. É importante tentar não mexer muito as pernas neste exercício, elas são o apoio para você trabalhar os músculos abdominais.
Descanso:30 segundos – Após a realização do exercício, realize uma pausa, em pé, de 30 segundos.
Exercício 7: Flexão de tronco com garrafa pet ou pacote de alimento
Duração: Dez movimentos
Como fazer: Em pé, pés afastados na largura do corpo. Segure uma garrafa cheia de água (de 500 ml) ou um pacote de feijão em cada mão. Flexione o tronco, levando as mãos em direção aos pés. Desça lentamente, sem forçar a coluna ou flexionar os joelhos. Volte à posição inicial lentamente. Repita o movimento por dez vezes.
Descanso:30 segundos – Após a realização do exercício, realize uma pausa, em pé, de 30 segundos.
Sobre Givanildo Matias
O Educador Físico Givanildo Matias, fundador da rede de academias Hiit20, é graduado em Educação Física pela UNICID, pós-graduado em Fisiologia do Exercício pelo ICB-USP, pós-graduado em Gestão Empresarial pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), Conselheiro da Sociedade Brasileira de Personal Trainers, palestrante, colunista de veículos de comunicação e autor do livro “Personal Trainer – Como Alavancar suas Vendas e Gerir seu Negócio”. Empreendedor, Matias criou a Test Trainer, primeira rede de franquias de personal trainers do Brasil e, agora, inicia a expansão por franquias da Hiit20, primeira franquia especializada em emagrecimento do Brasil.
*Como todo exercício físico, este também precisa de orientação médica para ser praticado e quem tem lesões nos joelhos, coluna ou ombro, são hipertensos, cardíacos ou possuem outras contraindicações médicas precisam ser avaliados por seus médicos antes de aderirem à modalidade.

2017 e a nossa vida financeira

O ano novo vai começar e nada melhor do que organizar nossas finanças, pagar nossos débitos e investir no que gostamos ou no que nos deixa felizes!

Pois é, segundo a professora Luciana Borges, coordenadora dos cursos de Administração e Tecnologia em Processos Gerenciais da Faculdade de Tecnologia Termomecanica – FTT, existem três passos fundamentais para quem deseja colocar a vida financeira em ordem em 2017 e planejar melhor suas atividades.

1º passo:
Entenda que tipo de consumidor você é. Faça uma análise do ambiente em que vive e seja honesto com você mesmo: o seu padrão de vida condiz com o seu salário? O que realmente você precisa e o que você apenas deseja?

Uma ferramenta conhecida como Análise SWOT, utilizada para revelar pontos fortes, fracos, oportunidades e ameaças de uma empresa, pode te ajudar a se compreender melhor como consumidor, como no exemplo a seguir:
• Ponto forte: ter uma planilha com os gastos, consciência de todos eles, reconhecer os custos fixos, reconhecer o que é necessário e o que pode ser postergado para aquisição.
• Ponto fraco: procurar satisfação ou compensação em coisas materiais, desorganização.
• Oportunidades: investimentos em ações, títulos, poupança ou cotas de fundos, descontos para quitar dívidas à vista.
• Ameaças: riscos de demissão, inflação alta, cartão de crédito e cheque especial.

2º passo:
Entenda os seus gastos. Tê-los em uma planilha é importante para quem deseja ter tudo em ordem e vários aplicativos para smartphone podem te ajudar nisso.

• Separe custos fixos como aluguel e contas de água e luz, por exemplo, daqueles gastos que não são contínuos ou primordiais, como atividades de lazer. Lembre-se que custos fixos são aqueles que independentemente do que aconteça, você os terá mensalmente.
• Avalie o que precisa ser mantido entre os gastos que não são contínuos e entenda que, se o objetivo é economizar e se reorganizar, será necessário se privar de algumas coisas até que tudo esteja em equilíbrio.
• Utilize os ganhos extras, como 13º, para quitar as dívidas.

3º passo:
Fique atento às notícias do mercado financeiro. Elas podem parecer algo totalmente fora da sua realidade, mas todas, direta ou indiretamente, afetam o seu bolso e suas decisões.
• Desacertos políticos de um país causam dúvidas no investidor externo e, em um efeito cascata, reduzem a produção industrial, vagas de empresa e desvalorizam a nossa moeda.
• O dólar em alta atrai turistas para o Brasil. Desta forma a demanda aumenta e o turismo nacional também fica mais caro para os brasileiros. Por isso, em tempos de crise, se viajar vale a pena procurar por locais onde a sua moeda vale mais e serviços como transporte e hospedagens são mais acessíveis.

Leia também: Como economizar em suas viagens?


• A construção civil é um dos primeiros setores a serem influenciados pela oscilação na economia. Um momento de retração econômica pode ser favorável para quem deseja comprar imóveis.

Sobre a Faculdade de Tecnologia Termomecânica
A Faculdade de Tecnologia Termomecânica – FTT é uma instituição de ensino superior gratuita criada e mantida desde 2002 pela Fundação Salvador Arena, entidade sem fins lucrativos que mantém atividades voltadas à transformação social. A FTT investe cerca de R$ 26 mil anuais por aluno e, pelo sexto ano consecutivo, está no grupo de excelência do ensino superior com nota 4 no Índice Geral de Cursos (IGC), do Ministério da Educação. A instituição possui parcerias com mais de 800 empresas e agentes de integração de estágios e índice de 96% de empregabilidade. A instituição está localizada na cidade de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, e oferece cursos superiores de Administração, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Computação e Engenharia de Controle e Automação.

Release: CDN COMUNICAÇÃO CORPORATIVA LTDA

Edição: Blog dos Pernés

Imagens: Reprodução.